DATAS IMPORTANTES
Início das Inscrições
Última Semana de Novembro de 2013
Data limite para Inscrições
31 de Janeiro de 2014 (Sexta-feira)
Envio notificações/confirmação às escolas
Mais: Meados de Fevereiro de 2014
Júnior: Final de Fevereiro de 2013
Data limite para constituição das equipas
Mais:Final de Fevereiro de 2014
Júnior: Meados de Março de 2014
Data das Semifinais - Mais
8 de Março de 2014 (Sábado)
Data das Semifinais - Júnior:
5 de Abril de 2014 (Sábado)
Data da Final Nacional:
3 de Maio de 2014 (Sábado)

Júnior - Univ. de Coimbra
Mais - Univ. de Aveiro
Olimpíada Internacional
20 - 29 de Julho, Vietname, Hanoi
Olimpíada Ibero-americana
28 de Setembro a 5 de Outubro, Montevideo, Uruguai

EDIÇÃO DE 2014


Vencedores das Olimpíadas Mais :: 2014 :: Aveiro

    Ouro: Maria Neves Carmona - Colégio Luso Francês
    Prata: Francisco Manuel Correia Marques - Escola Secundária de José Falcão
    Bronze: André Frederico Sequeira Mesmoudi Coelho - Escola Secundária de Albufeira

    Melhor escola: Escola Secundária de Albufeira

    Fotografias www

(As provas da Fase Regional e das Olimpíadas de Química Júnior só são divulgadas
pelas instituições participantes quando estas consideram oportuno)

Edição 2014

Teste final Respostas final
Teste semifinal Respostas semifinal

Edição 2013

Teste final Respostas final
Prova prática final
Teste semifinal Respostas semifinal

Edição 2012

Teste final Respostas final
Prova prática final
Teste semifinal Respostas semifinal

Edição 2011

Teste final Respostas final
Prova prática final
Teste semifinal Respostas semifinal

Edição 2010

Teste final Respostas semifinal
Teste semifinal Respostas semifinal

Edição 2009

Teste final
Teste semifinal Respostas semifinal

Edição 2008

Teste final Respostas semifinal
Prova prática final
Teste semifinal Respostas semifinal

Edição 2007

Teste final Respostas semifinal
Prova prática final
Teste semifinal Respostas semifinal

Edição 2006

Teste final Respostas semifinal
Prova prática final
Teste semifinal Respostas semifinal

Edição 2005

Teste final Respostas final
Prova prática final
Teste semifinal Respostas semifinal

Edição 2004

Teste final Respostas semifinal
Teste semifinal Respostas semifinal

Edição 2003

Teste final Respostas semifinal
Prova prática final
Teste semifinal Respostas semifinal

Edição 2002

Teste final Respostas semifinal
Prova prática final
Teste semifinal Respostas semifinal

Edição 2001

Teste final Respostas semifinal
Prova prática final
Teste semifinal Respostas semifinal

Edição 2000

Teste final Respostas semifinal
Prova prática final
Teste semifinal Respostas semifinal

Fase Regional de Bragança

Para realizar a inscrição de equipas na prova ou para obtenção de informação, por favor contacte: Contactos:
    Paulo M.P. Brito
    Departamento de Tecnologia Química e Biológica - Escola Superior de Tecnologia e Gestão
    Campus de Santa Apolónia, Apartado 1134
    5301-857 Bragança
    Tel: 273303110
    Fax: 273313051
    E-mail: paulo@ipb.pt
    Site: | www |

Panfleto | Cartaz

Disposições gerais

I. As "Olimpíadas Portuguesas de Química ", também designadas por "Olimpíadas de Química", são concursos de resolução de problemas teóricos e práticos de Química, dirigidos aos estudantes do ensino básico e secundário português e organizados pela Sociedade Portuguesa de Química SPQ).


II. Os objectivos das Olimpíadas de Química são:
    a) dinamizar o estudo e ensino da Química nas Escolas Básicas e Secundárias;
    b) proporcionar a aproximação entre as Escolas Básicas e Secundárias e as Universidades e Institutos Superiores;
    c) despertar o interesse pela Química, divulgar a Química como ciência e cativar vocações para carreiras científico-tecnológicas entre os estudantes.
III. As Olimpíadas de Química contemplam vários tipos de provas:
    a) As Olimpíadas de Química+ dirigem-se ao ensino secundário.
    b) As Olimpíadas de Química Júnior dirigem-se ao ensino básico.
    c) As Competições Internacionais nas quais a SPQ assegura - através do protocolo com o ME - a representação de Portugal são, actualmente, as Olimpíadas Internacionais de Química (IChO), as Olimpíadas Ibero-americanas de Química (OIAQ) e as Olimpíadas Europeias de Ciência (EUSO) .

Olimpíadas de Química Mais

Participantes
1. Podem concorrer todos os alunos que frequentem os 10º e 11º anos de escolaridade em Portugal.

Fases das provas
2. As "Olimpíadas de Química+" decorrem em 3 fases:
    1ª fase – selecção por escola;
    2ª fase – semifinal;
    3ª fase – final nacional.
3. Na 1ª fase, cabe às Escolas o apuramento da sua equipa, constituída por até 3 elementos, de acordo com o nº 8 deste regulamento.
4. A 1ª fase pode também englobar uma competição regional, a funcionar no modelo das semifinais e aberta a um maior número de equipas por escola.
Esta competição não condiciona ou limita a participação das Escolas na 2ª fase.
5. Cada Escola poderá inscrever para a 2ª fase apenas uma equipa (3 elementos, no máximo).
6. Na 2ª fase, as semifinais são realizadas em Universidades seleccionadas para o efeito. O número de equipas apuradas em cada semifinal será definido pelo Organizador Nacional das Olimpíadas e pela direcção da SPQ em função do número de equipas concorrentes.
7. Na 3ª fase, correspondente à final, os alunos apurados concorrerão individualmente.

Tipo de provas
8. Na 1ª fase, cabe a cada Escola escolher, elaborar e realizar as provas para selecção da equipa que inscreverá nas semifinais.
§ A selecção da equipa pode decorrer numa competição regional, onde exista.
9. Nas 2ª e 3ª fases, a elaboração das provas é da responsabilidade da SPQ.
10. Nas semifinais, as provas serão escritas e realizadas em equipa (por Escola).
11. Na final, cada aluno realizará uma prova escrita individual e uma prova laboratorial individual.
12. Tanto nas semifinais como na final nacional, as provas decorrerão simultaneamente para todos os concorrentes.

Programa
13. O programa considerado na elaboração das questões será o programa de Química até ao 10º ano de escolaridade para a semifinal e o programa de Química até ao 11º ano de escolaridade para a final.
14. Em qualquer dos casos (semifinal e final) poderão ser incluídas questões que envolvam:
    i) a aplicação de conhecimentos gerais de química a situações não consideradas explicitamente nos programas;
    ii) assuntos que não constem do programa acima mencionado, desde que sejam fornecidas informações adicionais suficientes para a resolução.

Organização das provas
15. As "Olimpíadas de Química" são coordenadas pelo Coordenador das Olimpíadas de Química, nomeado pela Direcção da SPQ.
16. O Coordenador é coadjuvado nas suas funções por uma Comissão Organizadora a que preside, e que inclui o Júri de Provas.
17. O Júri de Provas é constituído por docentes universitários convidados pelo Coordenador e tem por função colaborar na elaboração das questões que serão apresentadas aos concorrentes em cada prova, e proceder à respectiva classificação no dia das provas.
18. As datas de realização das semifinais e da final serão fixadas anualmente pelo Coordenador.

Prémios
19. Os participantes das semifinais e da final (2ª e 3ª fases) receberão um diploma de participação, uma medalha comemorativa, lembranças locais e um prémio de presença.

§ O prémio de presença das semifinais é uma assinatura anual do Boletim da SPQ "Química".
20. Os alunos vencedores das semifinais (3 melhores classificações por equipas) e os respectivos professores acompanhantes receberão ainda um prémio surpresa.
21. Na final, serão atribuídos os prémios especiais das "Olimpíadas" aos alunos classificados nos 1º, 2º e 3º lugares.

Participação em provas internacionais
22. Serão convidados a frequentar o programa de preparação para as competições internacionais nas quais a representação de Portugal é assegurada - através do protocolo com o ME - pela SPQ, os 10 alunos melhor classificados na prova Final que frequentem a disciplina de Química do 12º ano no ano lectivo em que decorrem as competições internacionais.
§ Actualmente a SPQ participa nas "Olimpíadas Ibero-americanas de Química" (OIAQ) e nas "Olimpíadas Internacionais de Química - International Chemistry Olympiads" (IChO).
23. Aos 6 melhores elementos dos 10 seleccionados nos termos do número anterior será oferecida a possibilidade de participar em pelo menos uma das competições internacionais. A selecção dos elementos participantes em cada competição será baseada numa prova de mérito organizada pela SPQ no final do programa de preparação.

Disposições finais
24. A inscrição na 2ª fase deve fazer-se até ao dia 31 de Janeiro de cada ano, com a identificação da Escola, o nome e a idade dos alunos que integram a equipa e o nome do professor acompanhante.
25. Até à data da realização da semifinal, cada Escola pode substituir total ou parcialmente os elementos da sua equipa, justificando a impossibilidade dos elementos inicialmente indicados. Os alunos apurados para a final não poderão ser substituídos em nenhum caso.
26. Na final, as despesas de deslocação e alojamento dos alunos e professores acompanhantes serão da responsabilidade - no âmbito do protocolo com o ME - da SPQ. 27. Os alunos participantes em competições internacionais terão asseguradas as despesas de deslocação e alojamento e serão acompanhados por, pelo menos, um docente universitário nacional (mentor).
28. Das classificações obtidas apenas serão tornados públicos, em cada semifinal, a lista ordenada dos concorrentes apurados para a fase seguinte ou, no caso da final, a lista ordenada dos vencedores, sem indicação de pontuação.
29. Qualquer questão resultante de omissão ou dúvidas de interpretação do presente regulamento será resolvida pela Comissão Organizadora em 1ª instância e pela Direcção da SPQ em 2ª instância.
30. Futuras alterações ao Regulamento serão decididas pela Direcção da SPQ.

VENCEDORES DE EDIÇÕES ANTERIORES :: Olimpíadas de Química+

Os resultados de outras competições são divulgados pelas Instituições participantes

2014

    Ouro: Maria Neves Carmona - Colégio Luso Francês
    Prata: Francisco Manuel Correia Marques - Escola Secundária de José Falcão
    Bronze: André Frederico Sequeira Mesmoudi Coelho - Escola Secundária de Albufeira

    Melhor escola: Escola Secundária de Albufeira

2013

    Ouro: David Pires Tavares Martins - Escola Secundária com 3.º Ciclo do Ensino Básico Mirandela - Mirandela
    Prata: Álvaro Miguel Figueira Mendes Samagaio - Escola Secundária com 3.º Ciclo do Ensino Básico Almeida Garrett - Vila Nova de Gaia
    Bronze: Gabriela Miguéis Carvalho Guiomar - Escola Secundária com 3.º Ciclo do Ensino Básico Almeida Garrett - Vila Nova de Gaia

2012

    Ouro: João Luís Sousa Janela - Escola Secundária Infanta D. Maria, Coimbra
    Prata: João Francisco Souto - Colégio dos Cedros, Vila Nova de Gaia
    Bronze: Maria Carolina Amoedo Gonçalves - Escola Secundária Infanta D. Maria, Coimbra
    Medalha de Prata nas Olimpíadas Ibero-Americanas: Ricardo Rodrigues (Bragança) Medalha de Bronze: Catarina da Cunha e Silva Martins Costa (Oliveira de Azeméis)
    Medalhas de Bronze nas Olimpíadas Ibero-Americanas:
      Maria Carolina Amoedo Gonçalves - Escola Secundária Infanta D. Maria, Coimbra
      João Pimenta Pereira - Escola Secundária com 3.º Ciclo do Ensino Básico de D. Inês de Castro de Alcobaça

2011

    Ouro: João Pimenta Pereira - Escola Secundária com 3.º Ciclo do Ensino Básico de D. Inês de Castro de Alcobaça
    Prata: Hugo Cadilha - Escola Secundária de Gago Coutinho
    Bronze: João Paulo Pereira Rocha - Escola Secundária com 3.º Ciclo do Ensino Básico Carolina Michaelis
    Medalhas de Bronze nas Olimpíadas Ibero-Americanas:
      João Pimenta Pereira - Escola Secundária com 3.º Ciclo do Ensino Básico de D. Inês de Castro de Alcobaça
      Paulo Pereira Gonçalves - Escola Secundária Alves Martins (Viseu)
      Vasco Figueiredo Batista - Escola Secundária com 3.º Ciclo do Ensino Básico de Carregal do Sal

2010

    Ouro: Bernardo Pascoal Figueiredo – ES3B de D. Inês de Castro, Alcobaça
    Prata: Gonçalo José Veríssimo - Externato João Alberto Faria, Arruda dos Vinhos
    Bronze: Paulo Sérgio Pereira Gonçalves – ES Alves Martins, Viseu
    Prémio “Melhor Escola” (distingue a instituição com o melhor conjunto de resultados dos seus 3 participantes): Escola de D. Inês de Castro, de Alcobaça.

    Medalha de Prata nas Olimpíadas Ibero-Americanas: Gonçalo Vitorino Bonifácio - ES José Saramago (Mafra)
    Medalha de Bronze nas Olimpíadas Ibero-Americanas: Jorge Pedro Martins Nogueiro - Escola Secundária Emídio Garcia (Bragança)
    Menção Honrosa nas Olimpíadas Ibero-americanas: Marta Aguiar - ES Homem Cristo (Aveiro)
    Menção Honrosa nas Olimpíadas Internacionais de Química: Jorge Pedro Martins Nogueiro - Escola Secundária Emídio Garcia, de Bragança

2009

    Ouro: Bruno Tiago Lopes Carneiro Devesa - Colégio Internato dos Carvalhos
    Prata: Gonçalo Vitorino Bonifácio - ES José Saramago(Mafra)
    Bronze: David Armando de Oliveira Pinto - Colégio Internato dos Carvalhos
    Prémio “Melhor Escola” (distingue a instituição com o melhor conjunto de resultados dos seus 3 participantes): Colégio Internato dos Carvalhos

    Medalha de Prata nas Olimpíadas Ibero-Americanas: Diogo Manuel Santos Teixeira - Colégio Cedros
    Duas Medalhas de Bronze nas Olimpíadas Ibero-Americanas: Francisco Diogo Ferreira - Colégio Cedros e Leandro Tiago Marques - ES Sousa Basto (Oliveira de Azeméis)
    Menção Honrosa nas Olimpíadas Ibero-americanas: João Luís Sousa - ES Domingos Sequeira (Leiria)

2008

    Ouro: Leandro Tiago Marques (ES/B3 Soares Basto - Oliveira de Azeméis)
    Prata: Diogo Manuel Teixeira (Colégio Cedros - Vila Nova de Gaia)
    Bronze: Inês Santana Oliveira (ES/B3 de José Estevão - Aveiro)
    Prémio “Melhor Escola” (distingue a instituição com o melhor conjunto de resultados dos seus 3 participantes): Colégio Cedros
    Medalhade Prata nas Olimpíadas Ibero-Americanas: Inês Maria Pacheco Soares Carneiro (Escola Secundária da Maia)

2007

    Ouro: António Vasconcelos Miranda de Sousa Leite (Colégio Cedros)
    Prata: Giovana Clara Sousa Ennis (ES Alves Martins - Viseu)
    Bronze: Junior André Gomes Louro (Colégio Frei Gil / IPSB - Bustos)
    Medalha de Prata nas Olimpíadas Ibero-americanas: Rui Emanuel Ferreira da Silva (Colégio Internato dos Carvalhos)
    Medalha de Bronze nas Olimpíadas Ibero-Americanas: Tiago Raúl de Sousa Pereira (ES Almeida Garret - Vila Nova de Gaia)

2006

    Ouro:>Raúl João de Sousa Pereira (ES Almeida Garret - Vila Nova de Gaia)
    Prata: Rui Emanuel Ferreira da Silva (Colégio Internato dos Carvalhos)
    Bronze: Rui Filipe Gonçalves Apóstolo (ES D. Duarte - Coimbra)

2005

    Ouro: Paulo Alcino Macedo(ES Infanta Castêlo da Maia)
    Prata: Sofia Helena Ferreira (ES Augusto Gomes - Matosinhos)
    Bronze: David Morais Furtado (ES Dr. Manuel Fernandes - Abrantes)
    Medalhas de bronze nas Oimpíadas Ibero-Americanas: Duarte Saraiva Martins (ES Cacilhas - Tejo) e Bruno Macedo (ES Rio Tinto)

2004

    Ouro: Ana Ortins Pina (ES Infanta D. Maria - Coimbra)
    Prata:>Cristina Paula Nogueira Marques (ES Cacilhas-Tejo - Almada)
    Bronze:> Ricardo José Araújo Ladeiras Lopes (ES da Boa Nova - Leça da Palmeira)
    Medalha de Ouro nas Olimpíadas Ibero-Americanas: Ana Ortins Pina(ES Infanta D.Maria - Coimbra)
    Menção Honrosa nas Olimpíadas Ibero-Americanas: Ana Rita Lopes(Colégio dos Carvalhos - Carvalhos)

2003

    Ouro: André Belarmino Alves Ramos(Colégio Internato dos Carvalhos)
    Prata: Carlos Alberto B. Oliveira (ES/B3 de José Estevão - Aveiro)
    Bronze:>Ana Filipa Quintela Vieira (ES/B3 Dr. Manuel Laranjeira - Espinho)
    Medalhas de bronze nas Oimpíadas Ibero-americanas: Ana Filipa Quintela Vieira (ES/B3 Dr. Manuel Laranjeira - Espinho) e Carlos Alberto B. Oliveira (ES/B3 de José Estevão - Aveiro)

2002

    Ouro: Ana Raquel Sequeira Pinto (ES Alves Martins - Viseu)
    Prata: Ângela Filipa Pereira Cardoso (Externato Delfim Ferreira - Riba d'Ave)
    Bronze: Humberto Bento Ayres Pereira (Colégio Cedros - Vila Nova de Gaia)
    Medalha de bronze nas Oimpíadas Ibero-Americanas: Ângela Filipa Pereira Cardoso (Externato Delfim Ferreira - Riba d'Ave)

2001

    Ouro: João Pedro Batista Tomaz (ES Fernão de Magalhães - Chaves)
    Prata: Bruno Gomes da Silva (Colégio Internato dos Carvalhos)
    Bronze: Filipa Isabel Branco Melão (ES Fernão de Magalhães - Chaves)

2000

    Ouro: Joana Tomás (ES José Estevão - Aveiro)
    Prata: João Gouveia (ES José Falcão - Coimbra)
    Bronze: Helena Isabel Pereira (ES Latino Coelho - Lamego)


APOIOS INSTITUCIONAIS






Design @ Leonardo Mendes